EN ISO 15025

ISO 12127 Tecido de proteção Marina Textil

COMPORTAMENTO DOS TECIDOS DIANTE DA CHAMA

O método de teste EN ISO 15025 analisa a propagação limitada da chama nos tecidos.

REQUISITOS PARA O MÉTODO DE TESTE EN ISO 15025

MÉTODO DE TESTE

DESCRIÇÃO

VALORES DE MÍNIMO CUMPRIMENTO

EN ISO 15025

Procedimento A:
Ignição superficial → coloca-se o isqueiro perpendicular à superfície do tecido. Aplica-se a chama durante 10 s e observa-se e registra-se a seguinte informação:

a) se a chama alcança a borda superior ou qualquer borda da amostra
b) tempo de pós-combustão
c) tempo de pós-incandescência
d) se a pós-incandescência se estende além da área inflamada
e) desprendimento de resíduos
f) se os resíduos inflamam o papel de filtro
g) se é formado um buraco e em qual camada

Procedimento B:
Ignição na borda → o isqueiro será colocado formando um ângulo de 30º com a vertical. A distância entre a borda do isqueiro e a borda inferior do tecido deve ser de 20 mm ± 2 mm. Aplica-se a chama durante 10 s e observa-se e registra-se a informação anterior, excetuando a seção g).

Setores nos quais se aplica o método de teste EN ISO 15025

IRON FOUNDRY

COOPER FOUNDRY

ALUMINUM FOUNDRY

ZINC FOUNDRY

GLASS FOUNDRY

CEMENT PLANTS

ELECTRIC COMPANIES

GAS INDUSTRY

CHEMICAL INDUSTRY

UTILITIES AND SUBCONTRACTORS

RENEWABLE ENERGY

FIREFIGHTERS

FOREST FIREFIGHTERS

POLICE AND MILITARY

WELDING

SHIPBUILDING

CATENARIES

INDUSTRIAL LAUNDRIES

OIL PLATFORMS

AUTOMOTIVES

Alguns dos tecidos da Marina Textil que cumprem o método de teste EN ISO 15025

If you have any questions, please contact our technical department experts.